Observatório de cinema - Casa das Artes de Vila nova de Famalicão

Filmes-Concerto

Apresentação em estreia, uma encomenda do Close-up, da banda sonora de LEGENDARY TIGER MAN para OS LOBOS de Rino Lupo, uma das obras maiores do mudo português, recentemente recuperada (em cópia digital) pela Cinemateca Portuguesa; NOISERV, numa sessão para famílias, acompanha o detective Buster Keaton, no clássico SHERLOCK JR.

Serra da Cabreira. Uma aldeia dominada pela tradição patriarcal: a mulher ocupa-se das lidas do lar ou recolhe lenha; o homem vela pelos rebanhos ou abate árvores de que fará carvão. Após cumprir pena por crime passional, um marítimo chega àquelas paragens, convertendo-se em elemento de fascínio e desagregação da estrutura arcaica... O filme foi recentemente restaurado pela Cinemateca Portuguesa, que o disponibiliza numa nova cópia digital. João Bénard da Costa: “[OS LOBOS é uma] obra ‘flamejante’, como se diz do gótico final, situada entre o hiper-realismo e o surrealismo, no vértice de uma estética do insólito que raras vezes, no nosso imaginário, terá tido tanta força e tanta singularidade.

THE LEGENDARY TIGERMAN é o alterego de Paulo Furtado, multifacetado artista de Coimbra. Inspirado no velho formato de one-man-band nascido nas margens do Delta do Mississipi, adapta o conceito ao século XXI, com uma estética muito particular – ao formato analógico tradicional (bombo, prato de choque, guitarra) junta, sem pudor, soluções electrónicas. O resultado conhecido é explosivo. Após encomenda do Close-up, apresentará em estreia na Casa das Artes de Famalicão, o cine-concerto a partir de Os Lobos de Rino Lupo.

  • de Buster Keaton
  • SHERLOCK JR.

  • 20 de outubro (17h30, GA) M/6
  • Sherlock Jr. (EUA, ficção, 1924, 44 min)
  • Filme-Concerto por Noiserv
  • no imdb | página de Noiserv

Um projecionista de cinema, Buster Keaton, sonha tornar-se detective. A sua oportunidade chega quando, em casa da sua noiva, um relógio é roubado pelo seu rival, mas este consegue fazer com que o projecionista pareça o culpado aos olhos de todos. No seu cinema, o projecionista adormece durante uma projeção, e sonha que entra no filme, onde é um famoso detetive, que tem de deslindar um caso onde os protagonistas são as pessoas da sua vida. Esse sonho é como que uma segunda oportunidade para que ele prove a sua inocência, redimindo-se aos olhos da sua noiva e livrando-se do seu rival.

NOISERV é um projeto musical de David Santos, desde 2005, quando decidiu gravar algumas ideias num álbum demo. No entanto, só em 2008 editou o seu primeiro álbum de longa duração One Hundred Miles from Thoughtlessness, muito bem recebido pelo público e pela crítica. A sua ligação ao cinema vem de longe, em 2010 participa na banda sonora do documentário José & Pilar e a sua participação no filme Noiserv (Sessão Dupla) onde a ficção é intercalada num filme concerto, acontece em 2011. A incursão de David Santos, no universo cinematográfico renova-se com o filme Sherlock Jr. de Buster Keaton (1924) musicado ao vivo na Casa das Artes de Famalicão.