Observatório de cinema - Casa das Artes de Vila nova de Famalicão

O PERFUME DO BOI

O Perfume do Boi, de André Príncipe, foi fotografado durante uma viagem de três meses pelas fronteiras Portuguesas. O forte sentido narrativo da série é acompanhado pela sensação de que talvez não haja uma história. Estamos fora das cidades, nos campos, nas florestas, em pequenos circos, com lunáticos e acrobatas. Imagens de animais e pessoas aparecem ao lado de outras de elementos naturais, causando uma sensação de perigo eminente. Há uma aura de profecia e mito e ficamos com o eco de um grito distante na noite. Acerca da série, Príncipe disse: " Os cinco elementos Japoneses são, por ordem de importância - Terra, Água, Fogo, Vento e Vazio". Foi lançado livro com o mesmo nome – o terceiro duma série que tem vindo a ser publicado pela Pierre von Kleist editions.